quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Um olhar psicanalítico sobre a peça "Atos de Paixão"

“A atividade sexual era apenas aceita com a finalidade de reprodução no seio de uma relação monogâmica. A energia disponibilizada, assim, deveria ser utilizada para fins culturais. Porém, o incremento das restrições impostas ao desejo vinha acompanhado de adoecimento neurótico, modo de satisfação substitutiva através dos sintomas. A moral sexual civilizada engendrava então sofrimento psíquico, o que, por sua vez, terminava por prejudicar a contribuição do sujeito na sociedade”.

MELLO, Renata. UM OLHAR PSICANALÍTICO SOBRE A PEÇA ATOS DE PAIXÃO, DE TÚLIO HENRIQUE PEREIRA. Fragmento do artigo a ser publicado no periódico “Caderno de Estudos do Discurso e do Corpo” do Labedisco/UESB/CNPq/Sorbonne Nouvelle– Paris 3.


Nenhum comentário: